Entenda porque a grande mídia se uniu com a extrema esquerda para atacar o Jornal da Cidade Online

Entenda porque a grande mídia se uniu com a extrema esquerda para atacar o Jornal da Cidade Online

Responda rápido: o que permitiu que Bolsonaro fosse eleito Presidente mesmo com todo o gigantesco sistema esquerdista contra ele?

A resposta é que a esquerda perdeu o monopólio da informação. Ela não fala mais sozinha.

Com a popularização das redes sociais, os cidadãos brasileiros se viram diante de uma enorme facilidade de acesso aos pontos de vista que a imprensa tradicional insistia em esconder.

Em suma, a informação foi verdadeiramente democratizada e o povo brasileiro deixou de ser escravo intelectual das narrativas da grande mídia, podendo formar sua própria opinião.

Isso foi destrutivo para os veículos de comunicação acostumados a nos empurrar as opiniões de seus militantes de esquerda disfarçados de “jornalistas imparciais”. O povo não aceitava mais ler somente notícias que passaram pelo filtro ideológico esquerdista. Resultado: Jornais tradicionais cada vez menores acomodando profissionais cada vez menos qualificados.

E como a grande mídia esquerdista não consegue competir de igual para igual com a mídia independente, ela precisa contra-atacar. Precisa retomar o monopólio da informação e do discurso. Precisa voltar a impedir que os brasileiros pensem qualquer coisa que não seja mastigado por ela.

E a melhor forma de fazer isso, é sufocando financeiramente os veículos da mídia independente que ousam não atacar Bolsonaro 100% do tempo. A intenção é acabar com estes sites para que o povo não tenha opção para se informar. E um povo desinformado, não vota em um candidato que corta bilhões da verba publicitária dessa mesma mídia.

Um perfil anônimo surgiu no Twitter, chamado Sleeping Giants Brasil. É uma cópia de um movimento americano que se dispõe a denunciar sites que produzam “Fake News”. A conta difamadora foi divulgada à exaustão pela grande mídia brasileira, além disso, anti-Bolsonaristas famosos como Luciano Huck e Felipe Neto deram uma força para promover o perfil. O apoio foi feito de uma forma tão sincronizada e rápida, que é difícil acreditar em coincidência. Rapidamente a conta passou de 200 mil seguidores.

O perfil covarde se voltou então contra o Jornal da Cidade Online, site de notícias de sucesso e muito compartilhado pelos brasileiros que apoiam o Presidente. O JCO, apesar de bem menor em estrutura compete de igual para igual ou até supera os sites tradicionais como G1, Estadão e Folha. Logo, se tornou a primeira vítima da intolerância do usuário difamador.

Funciona assim: o Sleeping Giants (em sincronia com seus milhares de seguidores) entra em contato com empresas e as pressiona a retirar seus anúncios de sites acessados por Conservadores. Através de uma abordagem passiva-agressiva, a empresa é solicitada a remover seus anúncios do JCO pois este divulga “Fake News” e faz “discurso de ódio”. A hostilidade é velada, dissimulada para que a chantagem não pareça agressiva, mas que fique entendido que se não obedecer ao “pedido”, a empresa será cobrada pelos justiceiros sociais.

O departamento de Marketing das empresas, também tomados por esquerdistas, obedecem respondendo com lindas mensagens sobre não compactuar com “Fake News”.

O detalhe óbvio aqui, é que não há Fake News nenhuma, nem discurso de ódio no Jornal da Cidade Online. As empresas compram a mentira e retiram os anúncios por medo ou por militância de seus marqueteiros.

Sim, as empresas estão deixando de anunciar para Milhões de consumidores Conservadores e perdendo talvez Bilhões em receita porque os responsáveis por suas publicidades estão MILITANDO ao invés de TRABALHAR.

O anonimato do usuário Difamador não é por acaso, ele sabe que está cometendo um crime, gerando bilhões em prejuízo e causando a perda de milhares de empregos. Tudo porque seus amigos da grande mídia querem voltar a falar sozinhos.

E a censura não acaba aí. O site de contribuições Apoia.se, onde leitores podem fazer contribuições para seus veículos de comunicação preferidos, suspendeu o Jornal da Cidade Online. Eles querem proibir, sem justificativa, que os Conservadores contribuam para a sua mídia de preferência. Os cidadãos não podem gastar dinheiro com a mídia conservadora.

Empresas como DELL, Submarino, Facebook, Canal History, Telecine, Boticário entre outras retiraram seus anúncios do site do JCO, esnobando milhões de potenciais clientes só porque estes apoiam o Presidente. O Banco do Brasil também havia retirado o apoio, mas voltou atrás após constatar que havia sido enganado pelo perfil anônimo.

Em um completo desserviço à sua carreira política e ao País, o ex-aliado de Bolsonaro, Deputado Delegado Waldir convocou o presidente do BB para prestar esclarecimentos do porquê ter retomado os anúncios. Waldir pelo jeito apóia a chantagem do perfil difamador.

A intenção do Sleeping Giants é clara. Atacar um a um os sites mais acessados por Conservadores, afim de enfraquecer o próprio Presidente e impedir que se reeleja. A primeira vítima do censor criminoso é o Jornal da Cidade Online, mas assim que conseguir o que quer, passará adiante a outros canais de Direita. Combater Fake News é apenas uma desculpa esfarrapada para sua intolerância política. Até o momento o perfil não denunciou nenhum portal de esquerda pelas inúmeras atrocidades jornalísticas que esses cometem.

A guerra é contra nós, brasileiros que ousam discordar da imprensa. Se estas empresas preferem agradar um Perfil Criminoso Anônimo do que nos ter como consumidores, veremos quanto tempo aguentam sem nosso dinheiro.

CATEGORIES
TAGS
Share This

COMMENTS

Wordpress (0)
Disqus (0 )